+351 21 790 8300 ext. 1496
cesem@fcsh.unl.pt

José Brandão

COLABORADOR

José Brandão

Professor do Quadro
brandaojma@gmail.com
Nota Biográfica:

Natural do Porto, fez os seus estudos de piano sob a orientação de Helena Sá e Costa. Diplomado em 1986 pelo Conservatório da mesma cidade, foi nesse ano premiado com o 2º lugar ex-æquo no Concurso Nacional de Piano da Juventude Musical Portuguesa. Licenciou-se em Ciências Musicais pela  Universidade Nova de Lisboa. Na Guildhall School of Music and Drama, onde estudou com Graham Johnson, realizou a pós-graduação em Acompanhamento ao Piano, obtendo os prémios para melhor pianista acompanhador nos concursos John Ireland’95 e Schubert Lieder’96. Complementou os estudos em repertório vocal, com Paul Hamburger, Robin Bowman, Martin Katz e Ruben Lifschitz e obteve o grau de Mestre em Música pela Universidade de Aveiro, com uma dissertação sobre as canções de Filipe de Sousa. É professor na Escola de Música do Conservatório Nacional desde o ano 2000. Também ensinou, por curtos períodos, na Academia Nacional Superior de Orquestra e na Escola Superior de Música de Lisboa.
Tocou nos Festivais de Royaumont, do Estoril, de Coimbra, de Aveiro (Festivais de Outono) no Museu e na Temporada de Música da Fundação Gulbenkian, CCB (Dias da Música em Belém e série Bom Dia Música), Ópera de Lille, RDP, sempre acompanhando um vasto leque de cantores, designadamente da jovem geração. No âmbito do projecto O Guardador de Canções, que dirige em parceria com o pianista João Vasco, programou e acompanhou ao piano uma série de recitais de temática específica.

PROJECTO DE PÓS-DOC/DOUTORAMENTO/MESTRADO
Título Mestrado: As Canções de Filipe de Sousa
Orientação:

Nancy Lee Harper

Resumo:

Este estudo lança uma perspectiva abrangente sobre a obra para voz e piano de Filipe de Sousa (Maputo, 15/02/1927 — Lisboa, 22/11/2006). Apresenta um esboço biográfico do compositor, apoiado na elaboração de um cronograma onde se reuniu uma série de dados referentes à sua vida e obra, nas múltiplas vertentes que assumiu como pianista, chefe de orquestra, professor , director do serviço de programas musicais da RTP, para além da actividade de compositor. Integra ainda este trabalho, um catálogo exaustivo, ainda que não definitivo, do seu espólio artístico.  A parte central da dissertação foi dedicada a um estudo individual de cada canção, focando aspectos da  linguagem musical empregue, numa relação estreita com os respectivos textos poéticos, tendo sido alvo da nossa atenção a quase totalidade da sua actividade criativa nesta área.

Grupo de Investigação:

Teoria Crítica e Comunicação