+351 21 790 8300 ext. 1496
cesem@fcsh.unl.pt

Ricardo Pinheiro

COLABORADOR

Ricardo Pinheiro

Professor Adjunto
rpinheiro@esml.ipl.pt
Nota Biográfica:

Ricardo Pinheiro é guitarrista, compositor e musicólogo. Doutorou-se em Ciências Musicais pela Universidade Nova de Lisboa (2008). Licenciou-se em Música pelo Berklee College of Music (Summa Cum Laude – 2002) e em Ciências da Psicologia pela Universidade de Lisboa (2008).

Estudou com Mick Goodrick, George Garzone, Ed Tomassi, Ken Pullig, Wayne Krantz, Ken Cervenka, Chris Washburne e Salwa Castelo-Branco.

Enquanto músico, gravou e/ou actuou com Peter Erskine, David Liebman, Chris Cheek, Mário Laginha, Eric Ineke, Perico Sambeat, Stephan Astbury, João Paulo Esteves da Silva, Remix Ensemble, Matt Renzi, Jon Irabagon, John Gunther, Mike Del Ferro, André Charlier, Benoît Sourisse, entre outros.
Foi bolseiro da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento, da Fundação Para a Ciência e Tecnologia, do Centro Nacional de Cultura e do Berklee College of Music.
Ganhou, em 2004, o prémio de investigação em Jazz Studies, “Morroe Berger – Benny Carter Jazz Research Fund” atribuído pela Rutgers University e o Institute of Jazz Studies, nos Estados Unidos da América.
É coordenador da linha de investigação em Estudos de Jazz do Instituto de Etnomusicologia e coordenador do Mestrado em Música na Escola Superior de Música de Lisboa (ESML).
Tem apresentado inúmeras comunicações, palestras, masterclasses, e workshops em Portugal e no estrangeiro (Alemanha, Áustria, Grécia, Estados Unidos, Holanda, Dinamarca, África do Sul, Itália, e Espanha) sobre jazz.
Publicou em revistas científicas internacionais, tais como a Acta Musicologica da International Musicological Society (editada por Philip Bohlman), a Jazz Reseach Journal (Equinox Publishing), a International Review of the Aesthetics and Sociology of Music, a Revista Brasileira de Música, ou a Revista Portuguesa de Musicologia (nova série).
Gravou , entre outros, os seguintes discos:
“Open Letter” Fresh Sound New Talent, 2010;
“Song Form” TOAP, 2013;
“Cinema & Dintorni” Fresh Sound Records, 2015;
“Triology” Sintoma Records, 2014;
“Is Seeing Believing?” Challenge/Daybreak Records, 2016;
“Radio Orchestra” Sintoma Records, 2016.
Publicou os seguintes livros:
Pinheiro, Ricardo. 2013. Perpetuating the Music: Entrevistas e Reflexões Sobre Jam Sessions. Porto:Papiro Editora (ISBN: 978-989-636-697-1)
Pinheiro, Ricardo. 2012. Jazz Fora de Horas: Jam Sessions em Nova Iorque. Lisboa:Universidade Lusíada Editora (ISBN: 978-989-640-133-7).

Publicações:

Prazeres, Gonçalo e Ricardo Pinheiro. 2016. “An Act of Pure Inspiration: o Papel da Melodia Original Nos Solos de Lee Konitz”. Revista Portuguesa de Musicologia 3 (2): 133-166. (ISSN: 2183-8410).

Pinheiro, Ricardo. 2014. “The Jam Session and Jazz Studies”. International Review of the Aesthetics and Sociology of Music 45 (2): 335-344. Croatian Musicological Society.

Pinheiro, Ricardo. 2012. “Jam Sessions in Manhattan as Rituals”. Jazz Research Journal 6 (2): 113-133. Equinox Publishing. ISSN: 1753-8637 (print); 1753-8645 (online).

Pinheiro, Ricardo. 2012. Jazz Fora de Horas: Jam Sessions em Nova Iorque. Lisboa: Universidade Lusíada Editora (ISBN: 978-989-640-133-7).

Pinheiro, Ricardo. 2011. “Aprender Fora de Horas: A Jam Session em Manhattan Enquanto Contexto Para a Aprendizagem do Jazz”. Acta Musicologica 83 (LXXXIII) (1): 113-134 – International Musicological Society – Editada por Philip Bohlman e Federico Celestini.

Grupo de Investigação:

Música Contemporânea